Saltério Glosado

Saltério Glosado f. 20r, salmo 11  Salva-me, Senhor, pois já não existe piedade

Voltar

f. 20r, salmo 11  Salva-me, Senhor, pois já não existe piedade

Os salmistas pedem ajuda a Deus contra os ímpios (v. 2, Salvum me fac Domine quoniam defecit sanctus // Salva-me, Senhor, pois já não existe piedade), e Deus responde energicamente. Em cima, à esquerda, um par de anjos apoia Deus que sai da sua Mandorla para entregar uma lança a um anjo com um escudo. Abaixo, nas colinas, homens sentados e em pé representam os pobres (v. 6, Propter miseriam inopum et gemitum pauperum nunc exurgam dicit Dominus // Pelo humilde despojado, pelos lamentos do pobre, levanto-Me, proclama o Senhor). À sua direita, dois grupos de pessoas caminham circularmente e fazem girar um disco e um cabrestante (v. 9, In circuitu impii ambulant // Os ímpios deambulam em círculos). Em cima, à direita, um homem coroado segura dois rolos, um desenrolado em direcção a Deus e o outro em direcção a um ferreiro que se encontra diante de uma forja cujas chamas são visíveis (v. 7, Eloquia Domini eloquia casta: argentum igne examinatum probatum terre, purgatum septuplum // As palavras do Senhor são puras: como a prata passada pelo fogo, limpa da terra e refinada sete vezes). No canto inferior direito, um anjo brande uma lança contra a cabeça do líder de um grupo de homens (v. 4, Disperdat Dominus universa labia dolosa linguam magniloquam // O Senhor destruirá todos os lábios embusteiros, toda a língua que fale com soberba).

We use private and third party cookies to improve our services by analyzing your browsing habits. If you continue to browse, we consider that you accept its use. Learn more x