Grandes Horas de Ana da Bretanha

Grandes Horas de Ana da Bretanha Calendário: Setembro, f. 12

Voltar

Calendário: Setembro, f. 12

O calendário é um dos elementos indispensáveis de qualquer livro de horas e o mais habitual é que faça parte da primeira secção do manuscrito. Nele aparecem as festas fixas do ano litúrgico, os aniversários dos santos importantes de determinadas dioceses e em função da devoção particular do comitente.
Setembro é o mês dedicado à vindima e aos trabalhos subsequentes, como a pisa da uva, motivo que o mestre Bourdichon escolheu para representar este mês nas Grandes Horas de Ana de Bretanha.
As tarefas da vindima aparecem na maior parte dos calendários dos livros de horas, visto que, junto aos derivados do cereal, o vinho é um dos produtos fundamentais da alimentação camponesa. A tradição iconográfica da vindima remonta à Antiguidade romana; é um motivo que aparece incluído nos mosaicos de vilas romanas.
Libra é o signo zodiacal do mês e a sua representação aparece sobre o quadro de texto, com o céu estrelado como fundo. A aparição dos signos zodiacais, elemento claramente pagão, nos manuscritos religiosos, explica-se pela assimilação de aspectos da cultura pagã que o cristianismo realizou desde os seus primórdios.

We use private and third party cookies to improve our services by analyzing your browsing habits. If you continue to browse, we consider that you accept its use. Learn more x